“Ponte para o passado”

O receio de que as reformas trabalhista e da previdência poderão sofrer atrasos ou interrupções com saída de Temer tem levado os responsáveis pelo PIB brasileiro (banco, agronegócio, indústria…) apoiar cegamente um governo que tem se mostrado cínico, corrupto e dissimulado, no entanto, tudo é relativizado em nome do mercado:  A “Ponte para o Futuro” precisa ser finalizada, justificam eles.

O problema é que não podemos acreditar em um futuro após a constatação que todas as instituições do Estado brasileiro estão a venda.

Outra coisa  é que a tal “ponte”,  e suas reformas, é um atalho que liga o Brasil ao seu passado.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s