KATRINA, HARVEY, IRMA, JOSE, KATIA… TRUMP E PARIS.

        Acordo de Paris é um dos desdobramentos do Protocolo de Kyoto. Sim, aquele mesmo que pretendia a redução dos gases estufa. O protocolo exige um grande esforço diplomático para colocá-lo em prática, pois isso atinge a espinha dorsal de economias viciadas em petróleo e seus derivados: Os EUA.

        Reduzir a emissão de gases estufa não é mais uma opção e a participação de todos é fundamental para arrefecer o aquecimento global. O afastamento dos EUA do debate é lamentável, pois seu território não está imune aos efeitos das discrepâncias climáticas inerentes ao aumento das temperaturas, pois parte do território americano é banhado por um berçário de furacões: O Golfo do México. 

          Por exemplo, Harvey despejou cerca de 100 trilhões de litros de água em menos de uma semana no sul e sudeste dos EUA e não tem muito tempo o Katrina devastou Nova Orleans.  Sabemos que estamos na temporada de furações (final do verão no hemisfério norte), porém: 

Se a raça humana não existisse, esses eventos teriam as mesmas dimensões? Justifique sua resposta!

Por G1

Atualizado 02/06/2017 17h39

.

Prof Luciano Mannarino

diferença entre tornado e um furacão

furacão katrina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s