Mente de um Psicopata!

Destituído de compaixão ele
passa a perceber a vida como um intervalo entre o nascimento e a morte.

A obsessão pelo fim das coisas se torna evidente quando afirma.

“todos vão morrer mesmo”

Se vão então porque não morrer agora?

Reflete sua mente doentia ao mesmo tempo em que se sente absolvido de suas responsabilidades.

Luciano Mannarino é Professor de Geografia e dublê de psicólogo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s