Nosso destino depende do nosso papel político…

Bom, não saímos mais às ruas para protestar. Fato.

Então vamos continuar, como sempre fizemos, entregando nosso destino a Deus, a nossa determinação, a nossa sorte?

O interessante é que:

Para que se tenha bons empregos são necessários: pesados investimentos em infraestrutura, criação de condições para  um ambiente que estimule o capital produtivo, apoio aos empreendedores, baixas taxas de juros, etc.

Para que se tenha uma boa educação  são necessários:  investimentos na qualificação dos professores, escolas equipadas,  elaboração de um projeto pedagógico revolucionário e socialmente inclusivo, etc.

Para que se possa andar com tranquilidade nas ruas são necessários: polícia bem remunerada, estimulada e treinada,  forças armadas  na segurança das fronteiras, modificação no sistema judiciário, etc.

Nosso destino não depende do divino, da sorte, do nosso esforço individual apenas.

Depende da participação, do nosso engajamento,  da pressão sobre nossos políticos, das ruas, enfim de assumir nosso papel de cidadão, pois educação, empregos e segurança lamentáveis são fruto de uma prática política viciada, covarde, alienada e corrupta.

Acorda!!!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s